Notícias

Importador usa terminal alfandegado para otimizar caixa na pandemia

Fonte: O Estado de S. Paulo


 
As incertezas provocadas pela pandemia têm levado as empresas a fazer esforços adicionais para melhorar a gestão do caixa num período de recursos escassos. Um sinal disso é o aumento das cargas nos terminais alfandegados, usados como parte da estratégia de importadores para postergar o pagamento de impostos na nacionalização dos produtos.
 
Segundo o grupo de logística Localfrio, esse é um dos principais motivos por trás da alta de 17% no número de contêineres armazenados em sua área do Guarujá (SP) no primeiro trimestre. No terminal de Suape (PE), a alta foi de 13% no período.
 
Entre as principais cargas armazenadas estão alimentos, bebidas, componentes eletrônicos e produtos químicos. Além de escalonar o pagamento de tributos, a estratégia evita multas por demora na liberação de contêineres no porto e também permite administrar melhor os efeitos da variação cambial na hora de nacionalizar as mercadorias.
 



Imprimir Indicar Comentar

Comentários (0)



Compartilhe



Voltar